Fórum DLE


TN aumentada 3.3
Enviada em 09/02/2012 às 14:37:05 por Josi
Juliana é coincidência mesmo a nossa história, e com certeza o seu tbm terá um final feliz!
Hoje meu Miguel está em meus braços, ele é um amor, bonzinho, acho que não merecia tanto, mas Deus foi maravilhoso.
Conte o seu resultado.


abraços
TN 3.3
Enviada em 29/06/2012 às 11:28:15 por Tamara Ferreira
Ola, venho por meio desta contar a minha historia... Tenho 29 anos dia 25/05 fiz uma ultrassom morfologica de 1 trimeste, e para minha surpresa meu bb estava com a medida da TN aumentada de 3.3, meu mundo desabou e desde entao nao comia mais, minha imunidade caiu e eu peguei uma gripe e como tenho bronquite, fiquei mal, na quarta feira da mesma semana dia 27/05, fiz minha biopsia do vilo corial , tanto quanto `dolorido mentalmente, resolvi pulsionar na clinica do DR Adolfo Liao e ele sem duvida foi a pessoa que mais me acalmou, enfim deu td certo. Na quinta feira fui surpreendida pela ligacao do DR Adolfo que me deu a noticia que meu bb é geneticamente normal, e eu e meu Marido resolvemos colocar o nome de Rafael, pelo fato de termos pedido tanto para os anjinnhos abençoarem nosso bb. Nao me arrependo de ter feito a pulsao pois nao iria aguentar esperar ate o nascimento. Meu Rafael é o maior presente que deus pode me dar.
Espero que meu depoimento ajude outras maes que estao passando pelo mesmo momento que eu passei. Obrigada quem quiser tirar duvidas segue meu email. tanutri@hotmail.com
TN 3.3
Enviada em 05/05/2018 às 21:33:37 por ISABELLA
Olá..tenho 29 anos e estou em minha primeira gestação, esperei muito por esse momento e quando fui fazer a famosa TN com 12 semanas , fomos surpreendidos eu e meu esposo, a dra mediu tantas vezes e o resultado foi 3,3. Ela falou sobre os exames que poderia comprovar a síndrome que meu bebê poderia ter, mas que nada poderia mudar o destino. No momento da notícia fiquei firme; sou auxiliar de enfermagem e queria prestar atenção em cada palavra dela. Após o término da ultrassom fui direto falar com minha GO, e para mimha surpresa ela disse que tinha 80% de chance que meu bebê teria alguma síndrome que o melhor ainda seria se fosse Down, ou dependendo da síndrome eu poderia ter um aborto. Eu disse a ela que não iria fazer exame algum para saber a síndrome que iria aceitar o meu presente de Deus o meu destino, não importasse como. Ela solicitou uma nova TN com outro profissional, em outra clínica. Ao chegar em casa cai na real da situação, doeu muito, abri meu coração pra Deus e a Virgem Maria, eu aceitava o meu destino, mas como mãe eu teria o direito de pedir a cura do meu bebê, um milagre. Foram 7 dias de muita oração, terços, novena, eu, meu esposo e meus familiares e alguns amigos, não contei para todos porque acreditava no milagre. Sabe não foi fácil; mas quando vc entrega nas mãos do senhor ele te esculta. Na segunda-feira com 13 semanas fomos fazer a segunda TN , o primeiro resultado foi 1.9 ja comecei a dar glória a Deus, Quando o médico perguntou o por que? Aí contamos o que tinha acontecido, ele mediu tantas vezes e nenhuma era igual, comi chocolate, fiz a transvaginal, o dr ficou perturbado, coitado, não conseguia me dar um resultado certo, mas o melhor o máximo dos resultados foi 2.6, eu dizia a ele: dr isso é um milagre, não me importa os resultados mas nenhum é 3.3 , isso ja me conforta. Quando ele deu o laudo colocou 2.3 e tudo normal. Desde a primeira o meu bebê apresentou apenas alteração na translucencia, o osso nasal normal e ducto venoso também normal. Eu e meu esposo acreditamos no senhor, creio que meu bebê nascerá perfeito, hoje estou com 14 semanas quase 15. Minha ansiedade procuro controlar, para que procurar sofrimento com esses exames que poderia até prejudicar meu bebê, resolvi também fazer somente a próxima ultrasson que é a morfológica e descobrir o sexo do meu bebê, pois nessa última o dr ficou tão assim que não conseguiu ver o sexo,mas não me importo, cada sensação da gravides agradeço a Deus e a Virgem e continuo rezando. Esses depoimentos acima ajudam tanto, aqui nesse site encontramos conforto graças a Deus e aqui esta mais testemunho. Obrigada
TN 12,4 confiem em Deus
Enviada em 28/07/2019 às 23:35:50 por Jéssica Moreira
Olá, meu nome é Jessica tenho 28 anos ,quando eu completei 12 semanas fiz esse exame a TN, aonde deu uma alteração de 7,5 quando o normal seria até 0,5.Pois bem eu não entendia direito mas o médico que realizou o exame havia me explicado que meu bebê estava com alta possibilidade de tee uma alteração genétgenética e o menor dos meus problemas seria a síndrome de down, meu mundo caiu meu esposo sempre tentando me acalmar , levamos o exame para o meu GO que pediu que eu repetisse o exame uma semana depois em outro lugar , foi oque eu fiz e para a minha surpresa emn7 dias a TN da minha bebe tinha almentado para 12,4 .Meu Deus foi o pior momento da minha vida e para piorar havia um hidroma cístico, então o médico disse que dificilmente eu passaria da 16° semana e me sugeriu o tal exame evasivo para diagnosticar qual seria a anomalia,eu optei por não fazer e entreguei nas mãos de Deus ,até a minha ultra morfológica eu só sabia chorar e me perguntar o por que de esta passando por isso pois os médicos raramente haviam visto um volume de TN tão alto.Semanas depois chegou o dia da minha morfológica, Orei muito a Deus porém me preparei para qualquer notícia e para a minha surpresa e a do laboratório que realizou o meu exame e tinha meu histórico o minha bebê não tinha absolutamente nada ...o médico inconformado repetiu o exame é inclusive o hidroma cístico havia desaparecido, eu quase infartei de tanta alegria ,mas conhecendo minha história o médico ainda pediu que eu aguardasse o Nascimento para ter certeza e então....
Hoje minha princesa que se chama Eloá está com 2 meses linda saudável e não tem absolutamente nada! Se alguém quiser conversar vou deixar meu wpp,pois já passei por isso e sei que as vezes só precisamos conversar com alguém...
Tenham Fé confiem em Deus...pois eu fiquei conhecida no hospital como a Jessica do milagre
(21996800674) se alguma mamãe ou papai quiser conversar pode me chamar
TN aumentada e onda A negativa
Enviada em 27/02/2020 às 10:24:44 por Ruti
Descobri que estava grávida o Miguel três dias antes de o Davi completar 1 aninho... Foi uma mistura de sentimentos.... Culpa, medo, felicidade...
No dia 12/11/2018 estava sentindo dor na barriga decidi ir ao pronto socorro, fui sozinha para que meu marido ficasse com nosso filho, eu achava que era coisa simples, mal sabia que começaria com uma saga que perdurou até o dia 22/06/2019. Fiz exames, sangue e ecografia, na ecografia peguei uma medica grossa, fria... Decidi esperar o laudo, quando peguei estava escrito PREGA NUCAL... E batimentos cardíacos alterados, fui imediatamente ao Google, que deu marcadores de Síndromes a mais comum era a síndrome de down... Peguei o celular liguei para meu marido... Chorando muitoooo... Falei o que estava acontecendo. Esperamos junto o resultado do exame de sangue, levei ao médico e o mesmo tentou tranquilizar falando que o exame quê pode dar essa estatística é a ecografia morfológica a partir de 12 semanas. Esperei duas longas semanas, estava um pouco mais calma, me apeguei a Deus como nunca na minha vida. Fiz a ecografia e nela tinha que a translucência nucal era de 7mm, alta, e deu onda a negativa, estavam presentes dois marcadores de Síndrome... Levei a minha médica que pediu uma segunda opinião... Dada no dia 24 de dezembro de 2018... E a opinião era que muito provavelmente a gente teria uma criança especial... Ou até como ele tinha problema de coração se ele nascesse vivo, muito provavelmente não resistiria até o 5º mês... Pense como foi o meu Natal... Chorei muito... Queria cancelar o jantar na minha casa... Mas por causa do meu outro filho decidi ter forças... Fiz o Natal na minha casa, teve amigo culto, jantar, fé... Não fiz a amniocentese, entreguei nas mãos de Deus e confiei que o melhor iria acontecer. Ao longo da gestação fiz várias ecografias, todas com a prega nucal e os batimentos cardíacos alterados... Rezei todos os dias... Com fé que Deus ia fazer um milagre... com 24 semanas fiz o eletrocardiograma fetal, e veio a primeira alegria, não tinha nenhuma alteração no coração do meu filho... Porém meu liquido amniótico deu aumentado... Poderia ser diabetes gestacional ou alteração genética... A glicose estava normal.
No dia 22 de junho de 2019, data marcada para a cesariana, meu Miguel nasceu perfeito, normal, sem problema nenhum. Li um dia a seguinte frase e me apeguei a ela: “Meu Deus é o Deus do impossível”, e é a mais pura verdade. Aconteceu um milagre chamado Miguel. Tenham fé... Não acredite nesses marcadores, curta sua gestação, curta seu filho crescendo dentro de vc.
Caso queiram conversar 61984061690
TN 5,8
Enviada em 06/05/2020 às 13:37:53 por Aline Morais da Silveira
Em agosto de 2019 descobri que estava grávida. Com 12 semanas fiz a primeira ecografia, quando tive a notícia que a translucência nucal tinha dado 5,8mm (osso nasal presente). O médico me informou dos riscos (tenho 32 anos) e me encaminhou para a área de medicina fetal. Como meu pré natal era pelo SUS, com medo que pudesse demorar para conseguir uma consulta, fiz o exame de sangue NIPT. Entre a primeira ecografia e o resultado do NIPT foram 3 semanas de muita apreensão, ansiedade e choro. Quando saiu o resultado dizia que não foi encontrada nenhuma das anomalias pesquisadas e que eu estava grávida de uma menina (Helena). Logo depois consegui a consulta com a área de medicina fetal, onde não recomendaram que eu fizesse a aminocentese pelo risco de aborto (estava com 18 semanas). Fiz um ecocardiograma fetal com resultado bom e depois a ecografia morfológica, onde só observaram um leve espessamento nas costas (podia ser o líquido se dissipando). Passei a segunda metade da gravidez mais tranquila, com fé que me minha filha nasceria saudável. Dia 25/04/20 ela nasceu com 40 semanas e 6 dias, saudável e perfeita como eu pedi e acreditei que nasceria. Escrevo esse relato porque foi aqui que encontrei esperanças quando tive o resultado da primeira ecografia e espero que meu relato possa dar esperança para outras pessoas também.


Certificações

Controles de Qualidade