O Que é o Teste de Risco Fetal DLE?
É um teste de triagem, resultado da integração de dados ultra-sonográficos, informações clínico-obstétricas da paciente e exames laboratoriais, que são analisados em um software de reconhecimento internacional atualizado constantemente pelo banco de dados de gestantes brasileiras, do laboratório DLE, permitindo assim uma adequação à nossa realidade. Todos os relatórios emitidos por este software, positivos ou negativos, são revisados pela Assessoria científica do laboratório, que então autoriza a confecção final do laudo.

Por ter sido o pioneiro na implantação do Teste de Risco Fetal no Brasil, em janeiro de 1994, e tendo analisado mais de 6.000 gestantes, em 2001, o laboratório DLE pôde elaborar um importante banco de dados brasileiros no assunto e assim criar uma curva de referência brasileira. Este trabalho foi ganhador do prêmio científico "Dr. José Pinheiro da Sociedade Brasileira de Patologia Clínica" *.

O teste pode ser realizado em gestantes de todas as idades.

Além de informar o risco gestacional para Síndrome de Down, o teste permite estimar o risco de Síndrome de Edwards (Trissomia do 18). O teste, quando realizado entre 14 e 22 semanas e 6 dias, também permite estimar o risco de Defeitos Abertos do Tubo Neural.

Por se tratar de teste de triagem, o resultado indica a probabilidade de gestação afetada pelas anomalias investigadas, selecionando assim, um grupo de gestantes que deverão ser submetidas a outros exames complementares , para fins de diagnóstico, a critério da gestante, devidamente informada e esclarecida por seu médico assistente.
 

Busca DLE

Solicitação
de material

CANAL DO CLIENTE

4020-8080
Seg. a Sex. das 08h às 18h
Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.



Nossas unidades

 

 

 

 
   

Certificações

Controles de Qualidade