SÍNDROME DE LERI-WEILL (LWD) – ESTUDO MOLECULAR [GENE SHOX]

MÉTODO

Sequenciamento

AMOSTRA/ CONSERVAÇÃO

Aceitamos amostras refrigeradas de Sangue TotalEDTA (10 ml). Consulte-nos para outros tipos de material ou solicite o KIT de Coleta para Biologia Molecular do Laboratório DLE.

OBSERVAÇÕES

O gene SHOX (“short stature homeobox”) está localizado na região pseudo-autossômica dos cromossomos sexuais, e transcreve duas proteínas (SHOXa e SHOXb) expressas durante o desenvolvimento embrionário e envolvidas com a ossificação endocondral. Sua haploinsuficiência está ligada a problemas de baixa estatura e/ou anomalias esqueléticas. A redução em 50% da atividade protéica do complexo SHOXa/SHOXb devido a alterações em um dos alelos, em geral, leva a uma heterogeneidade fenotípica que é atribuída ao background dos efeitos genéticos que envolvem vários genes e suas relações protéicas. Isto é constantemente observado em trabalhos que relacionam a alteração do gene à baixa estatura e deformidades esqueléticas, sendo o gene e sua região downstrean investigadas em casos de pacientes que apresentam baixa estatura idiopática e Síndromes de Leri-Weill e Langer. Em geral a deficiência do gene SHOX é responsável pelo fenótipo observado. Estudos genéticos detectam mutações/deleções no gene SHOX (Xp22.33;Yp11.3) em 100% dos indivíduos com haploinsuficiência relacionada ao SHOX e em cerca de 70% dos indivíduos com LWD.

 

Busca DLE

Solicitação
de material

CANAL DO CLIENTE

4020-8080
Seg. a Sex. das 08h às 18h
Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.



Nossas unidades

 

 

 

 
   

Certificações

Controles de Qualidade