SÍNDROME NEFRÓTICA CONGENITA – ESTUDO MOLECULAR [GENE NPHS1]

MÉTODO

Sequenciamento

AMOSTRA/ CONSERVAÇÃO

Aceitamos amostras refrigeradas de Sangue Total-EDTA (10 ml). Consulte-nos para outros tipos de material ou solicite o KIT de Coleta para Biologia Molecular do Laboratório DLE.

OBSERVAÇÕES

Alterações no gene NPHS1 (19q13.1) são a causa da síndrome nefrótica tipo I (síndrome nefrótica congênita). Esta doença renal se caracteriza clinicamente por proteinúria, hipoalbuminemia, hiperlipidemia e edema. A biópsia renal apresenta alterações histológicas não específicas. Para a confirmação de diagnóstico recomendamos o seqüenciamento da região codante do gene NPHS1 (“nephrosis 1, congenital, Finnish type (nephrin)”).

 

Busca DLE

Solicitação
de material

CANAL DO CLIENTE

4020-8080
Seg. a Sex. das 08h às 18h
Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.



Nossas unidades

 

 

 

 
   

Certificações

Controles de Qualidade