Cariótipo de Alta Resolução em Sangue Periférico com Banda G

Indicação

Malformação congênita não sindrômica, atraso de desenvolvimento, déficit intelectual, retardo mental, definição do rearranjo cromossômico (estrutural) na presença de alterações detectadas por aCGH visando o aconselhamento genético.

Células Análisadas

20 células.

Preparo do Paciente

Não é necessário jejum. O paciente não pode estar em uso de antibióticos. Em caso de coleta programada recomenda-se esperar 15 dias após o término do medicamento para efetuar a coleta.

Amostra

Volume: Adulto: 5 a 10ml, Recém nascido: 3 a 5ml
Sangue total colhido em tubo com heparina sódica (Na-heparin ou tubo de tampa verde) ou em seringa* heparinizada (encaminhar a seringa sem agulha, com tampa protetora de seringa).
Enviar preferencialmente em materiais fornecidos pelo DLE.

Estabilidade

60 horas após a coleta se mantido sob refrigeração (2° a 8°C).

Transporte da Amostra

Enviar a amostra sob refrigeração com gelo reciclável, tomando o cuidado de não deixar a amostra em contato direto com o gelo para evitar destruição celular.
Vide Instrução para envio

Método

Cromossomos em alta resolução obtidos a partir de cultura temporária de linfócitos com bandamento G - Estudo numérico e estrutural dos cromossomos com resolução de 550 - 800 bandas.

Prazo

30 dias corridos.

Interferentes

Amostra hemolisada, coagulada, anticoagulante incorreto, temperatura de transporte.

Limitações Técnicas

O cariótipo normal não exclui mosaicismo de baixa frequência (amostragem estatística), microalterações cromossômicas e mutações gênicas.

 

 

* As marcas BD e Sarstedt são marcas validadas que não possuem substâncias citotóxicas

 

Busca DLE

Solicitação
de material

CANAL DO CLIENTE

4020-8080
Seg. a Sex. das 08h às 18h
Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.



Nossas unidades

 

 

 

 
   

Certificações

Controles de Qualidade